QUEM SOU



lic. em trabalho social
pg em int. social: criminologia
mestre em serviço social

trabalhador social

docente do ensino superior




membro da direcção

EM AGENDA

29/04/2011
Comunicação nas Jornadas Nortenhas de Mediação (Porto)
------------------
19, 20 e 21/05/2011
Formador do Curso Básico de Criminologia promovido pela AIDSS (Lisboa)
------------------

mais sobre mim

subscrever feeds

NAS REDES SOCIAIS

SUBSCREVO / APOIO

as minhas fotos

A partir de agora, e com o objectivo de agregar a minha página e o meu blog num único local, este blog passa a estar em http://miguelangelovalerio.wordpress.com

Terça-feira, 29 DE Setembro DE 2009

posts ideais...

Muito bem dito.

publicado por MAV às 23:41
Terça-feira, 29 DE Setembro DE 2009

vale tudo em vila real...

Aqui em baixo fiz uma referência aos cartazes dos candidatos à Câmara Municipal de Vila Real. Hoje, fiz referência à colagem às legislativas como forma do PS tentar ganhar votos em Vila Real duma forma que considero inadmissível e ridícula, insinuando indirectamente apoios que não sei se existirão.

Mas, pelos vistos, a política pela positiva do PS vai mais longe, ao ponto de utilizar, nos seus cartazes, nomes de pessoas sem que estas saibam dessa situação...

«Victor Nogueira, director do Teatro de Vila Real não gostou de ver o seu nome num cartaz politico do PS»

publicado por MAV às 23:20
Terça-feira, 29 DE Setembro DE 2009

compreensão lenta...

São interessantes os comentários à declaração de Cavaco Silva, demonstrando ou referindo que não compreenderam a mesma.

Pois bem, ela foi simples. Permitam-me resumir:

Cavaco foi puxado para a arena política sem a sua vontade ou interferência, de forma a fazer esquecer durante a campanha eleitoral os reais problemas do país e, quem fez isso, foram dirigentes do Partido Socialista. Para além disso, Cavaco não vai ceder a essas pressões que considera intoleráveis e indecentes.

Vamos agora ver qual a reacção do PS e do "animal feroz". Irá ele (José Sócrates), pessoalmente ou por interposta pessoa, manter a sua ferocidade? Ou será que agora, sem maioria absoluta, o "animal feroz" vai amansar?

 

Um nota complementar, preocupa-me o facto de existirem problemas de segurança nas comunicações da presidência da república.

publicado por MAV às 22:04
Terça-feira, 29 DE Setembro DE 2009

demagogia socialista em vila real

Aquando da definição das datas para as eleições legislativas e autárquicas deste ano, muitos falaram da necessidade de estas serem em datas diferentes de forma a não confundir os eleitores. Não deixa por isso de ser interessante a colagem, constantemente realizada, por parte de elementos das campanhas autárquicas a actos ocorridos na campanha para as legislativas.

Como penso que anteriormente aqui referi, estive presente nas apresentações das candidaturas à Câmara Municipal de Vila Real do Partido Socialista e do Partido Social Democrata e tive a oportunidade, por exemplo, de ver presente na apresentação da candidatura do candidato pelo PSD o actual reitor da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), o Prof. Doutor Armando Mascarenhas Ferreira.

Achei por isso curioso, o facto da candidatura do PS, no sua página da Internet apresentar uma "notícia" sobre o comício de José Sócrates e a presença do reitor da UTAD no mesmo porque (segundo fonte do PS!!!) o reitor pretende transmitir "um sinal de reconhecimento pelo apoio do Governo aos projectos da UTAD" e também de "congratulação com os investimentos" realizados pelo executivo em Trás-os-Montes.

Se isto não é uma colagem às legislativas e da mais pura demagogia partidária, não sei o que será.

Aliás, até saberei, mas ficaria feio escrever isso aqui...

publicado por MAV às 16:49
Segunda-feira, 28 DE Setembro DE 2009

delírios...

#e09

Imaginem que existe uma pessoa que está à frente duma instituição.

Imaginem que essa pessoa é também líder partidário.

Imaginam que essa pessoa aproveita o cargo para favorecimentos pessoais.

Imaginem, por exemplo, que essa pessoa exige a outra (à frente de uma outra instituição independente mas, por motivos financeiros e de licenciamento, subordinada à primeira) que, ou apoia um candidato na sua "terra" ou terá uma quebra nos apoios.

Imaginem aliás, que essa segunda instituição até teve um processo de fiscalização que, sabe-se lá como, desapareceu... sem rasto.

Imaginem novamente a primeira pessoa, e que ela diz que existem um conjunto de apoios a diferentes instituições que estão pendentes de eleições, porque se ganhar o partido dessa pessoa, apenas serão beneficiadas as instituições de freguesias da mesma cor partidária.

Agora, imaginem que essa pessoa é candidata a uma assembleia de freguesia.

Agora, imaginam que essa pessoa é candidata a uma assembleia municipal.

Agora, imaginam que essa pessoa é candidata a uma câmara municipal.

Votariam nessa pessoa?

Que sorte é viver em Vila Real e em Portugal, um país e um distrito onde isto nunca poderia acontecer...

publicado por MAV às 23:04
Domingo, 27 DE Setembro DE 2009

legislativas: a análise possível...

Pelo que no presente momento se pode verificar dos resultados das eleições legislativas, e a manterem-se estes resultados, existe apenas um grande vencedor: o CDS-PP de Paulo Portas. O CDS-PP sobe em número de votantes, percentagem nacional e, principalmente, ultrapassa a CDU ficando como terceira força política nacional.

Com vitórias mais "curtas", dois partidos: O PS e o BE.

O PS, embora vencendo as eleições, perde a maioria absoluta (será interessante ver o animal feroz a tentar negociar politicamente), perde cerca de 9% dos votos e em número absoluto de votos.

O Bloco de Esquerda, embora subindo percentualmente, em número de deputados e votos absolutos, não consegue ficar como terceira força política nacional.

Quanto aos derrotados, dois: CDU e PSD.

A coligação "comunista" sobe ligeiramente em percentagem e em votos absolutos, mas passa a ser a quinta força política nacional, perdendo uma vice-presidência da Assembleia da República.

O Partido Social Democrata é, neste momento, o grande derrotado. Quer em número absoluto de votos e na percentagem das mesmas, encontra-se muito próximo dos resultados obtidos nas eleições de 2005, com Santana Lopes a presidente.

publicado por MAV às 21:35
Domingo, 27 DE Setembro DE 2009

acompanhar...

Tudo pronto para o acompanhamento da noite eleitoral, que se espera (ou eu espero) bastante longa. Por enquanto, prevê-se uma taxa maior de abstencionistas, mas com o aumento do número de eleitores, tal não significa, obrigatoriamente, menos votantes.

Podem seguir-me no twitter ou no facebook...

publicado por MAV às 18:45
Sexta-feira, 25 DE Setembro DE 2009

alguns porquês do meu voto

Se habitasse e votasse num outro distrito, num distrito em que outros partidos tivessem efectiva possibilidade de eleição de deputados no próximo domingo, talvez este post fosse diferente. Isto, porque a votação não será para o futuro Primeiro-Ministro de Portugal, mas sim para os representantes do distrito na Assembleia da República (embora, indirectamente, isto influencie quem será o futuro Primeiro-Ministro - voltarei a este assunto brevemente, defendendo a existência duma alteração nos formatos eleitorais).

Em Vila Real, apenas dois partidos elegerão deputados: o Partido Socialista e o Partido Social Democrata. Como é costumo, dois deputados estarão garantidos para cada um dos partidos, sendo que a votação irá decidir para quem será o terceiro (normalmente para o PSD, embora tal não ocorresse nas últimas legislativas).

A questão a colocar é apenas uma: para que partido (PS ou PSD) quer que elega o terceiro deputado por Vila Real, contribuindo assim para o possível Primeiro-Ministro? E aqui torna-se bastante simples. Nas eleições legislativas deve-se, defendo, avaliar o partido do governo e as propostas (as reais, e não as inventadas "criticamente" pelos outros partidos.

Assim, nunca votaria num partido por detrás dum governo que encerra urgências hospitalares e maternidades, obrigando os seus habitantes a viajarem quilómetros (e durante bastante tempo) para receberem assistência médica. nunca votaria num partido onde tal acontece num local e um mês depois é apresentado um projecto (já aprovado pelo ministério) para um hospital privado com urgências e maternidade. Em que, nas situações, de urgências ficam as pessoas, muitas delas idosas, sozinhos sem possibilidades de regressar a casa, tendo que esperar horas, até de manhã, para "apanharem" um autocarro.

Nunca votaria num partido que, a vencer, indicaria um Primeiro-Ministro que já provou ser mentiroso compulsivo, sem problemas em enganar e mentir a tudo e a todos., sobre tudo e todos, de tal forma que até parece acreditar no que diz.

Nunca votaria num partido para quem as reformas na educação deve ser feita sem os professores, as da justiça sem os juízes...

Nunca reelegeria um governo, sem problemas em utilizar números sem rigor, com mentira, para provar o que não tem forma de ser provado, enganando.

Nunca votaria, enfim, na continuidade da arrogância e no desprezo a que este governo, liderado por José Sócrates já habituou os portugueses.

Por isso, no próximo domingo, em Vila Real, o meu voto irá para o Partido Social Democrata, de forma a eleger um terceiro deputado pelo distrito, de forma a poder contribuir que José Sócrates receba o troco da arrogância e da mentira com que tratou os portugueses durante os últimos quatro anos e meio.

publicado por MAV às 23:40
Terça-feira, 22 DE Setembro DE 2009

new kids on the block

Directamente dos Açores, um novo blog sobre Serviço Social: O Assistente Social.com

publicado por MAV às 21:57
Segunda-feira, 21 DE Setembro DE 2009

entretanto em vila real, os outdoors...

Manuel Martins, candidato do PSD, apresenta-se com o background do trabalho por ele liderado nos últimos anos. Será, a vencer, o seu último mandado. Os seus outdoors reflectem esse trabalho, numa lógica de ter colocado e continuar a colocar o concelho como um concelho "capital" na região (capital do automobilismo - com o circuito de vila real; capital solidária - os apoios sociais que têm colocado, por exemplo, em destaque no apoio às famílias numerosas; ambiental - construção, por exemplo, do parque da cidade; cultural - o teatro municipal, por exemplo).

Rui Santos, candidato pelo PS, apresenta-se de uma forma pouco original. Primeiro foi "a força serena da mudança" (o que o distingue do PS nacional é aa mudança ser serena) e associa agora um "Vila Real Primeiro" (seguindo a ideia de Rui Rio no Porto). Mas o primeiro slogan é curioso, por se apresentar como totalmente incongruente com os restantes outdoors. Se esta candidatura é a "força serena da mudança", terá que ter ideias e projectos que não aparecem expostas nos mesmos, sendo que estes apenas traduzem críticas à actual liderança. e resposta aos do PSD Isto, para além do facto de muitos deles serem imperceptíceis (e são grandes) como se pode aqui verificar aqui.

publicado por MAV às 00:13

pesquisar

 

Setembro 2009

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
13
14
15
16
18
19
23
24
26
30

comentários recentes

  • A TRÍADE SALOIA Casino Estoril Sol IIINo caso da ...
  • É homenagem a Portugal não vã...
  • obrigado pela informação
  • Buy your World Email Databases - Connect the World...
  • boas,caros colegas, acho impressionante o que se p...
  • Antes de mais dou os parabéns pelo bom gosto com q...
  • Parabéns pelo destaque!
  • Infelizmente a Troika não nos "safa" dos espertos....
  • Gostava de o desafiar a visitar o blog "Dez a fio"...
  • Bom dia,O Ideal Social está novamente em destaque ...

arquivos

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

2007:

 J F M A M J J A S O N D

2006:

 J F M A M J J A S O N D

links

DIVERSOS

------------------
------------------

O Ideal Social no seu E-Mail