os charros e os copos

Tenho, por diversas vezes, sido crítico da actuação do Instituto da Droga e da Toxicodependência e/ou das declarações do seu presidente (João Goulão). Contudo, o mesmo não invalida que Goulão seja um conhecedor, a diversos níveis (pela prática profissional e pelos de "dedicação à causa") desta temática e área de intervenção.

Digo isto (garantindo que não me "estou a fazer" a nenhum cargo) para evidenciar umas declarações do mesmo à Notícias Magazine, às quais cheguei por aqui. Refere João Goulão, sendo que me revejo totalmente nas suas declarações:

«Muitos pais ficam assustados quando percebem que o seu filho fuma um charro, mas desvalorizam que apanhe bebedeiras todos os fins-de-semana»

publicado por MAV às 16:17