legislativas: a análise possível...

Pelo que no presente momento se pode verificar dos resultados das eleições legislativas, e a manterem-se estes resultados, existe apenas um grande vencedor: o CDS-PP de Paulo Portas. O CDS-PP sobe em número de votantes, percentagem nacional e, principalmente, ultrapassa a CDU ficando como terceira força política nacional.

Com vitórias mais "curtas", dois partidos: O PS e o BE.

O PS, embora vencendo as eleições, perde a maioria absoluta (será interessante ver o animal feroz a tentar negociar politicamente), perde cerca de 9% dos votos e em número absoluto de votos.

O Bloco de Esquerda, embora subindo percentualmente, em número de deputados e votos absolutos, não consegue ficar como terceira força política nacional.

Quanto aos derrotados, dois: CDU e PSD.

A coligação "comunista" sobe ligeiramente em percentagem e em votos absolutos, mas passa a ser a quinta força política nacional, perdendo uma vice-presidência da Assembleia da República.

O Partido Social Democrata é, neste momento, o grande derrotado. Quer em número absoluto de votos e na percentagem das mesmas, encontra-se muito próximo dos resultados obtidos nas eleições de 2005, com Santana Lopes a presidente.

publicado por MAV às 21:35