coisas que me custam a entender...

Imaginemos uma empresa privada que, tendo em conta a situação de crise actual, resolve suspender as contratações (mesmo para substituir funcionários que, por exemplo, se reformem) e que, para além disso, resolve ainda congelar os salários.

Até aqui, acho que é fácil de entender...

Mas imaginemos agora que, nessa mesma empresa, os custos com o pessoal, entre Janeiro e Setembro, aumentam 1,7 pp. Sim, mesmo tendo em conta que ocorreu uma diminuição dos funcionários e um congelamento dos salários, os custos com os mesmos crescem...

O que aconteceria aos responsáveis financeiro desta empresa?

 

Pois bem, foi isto que aconteceu com as contas do Estado Português entre Janeiro e Setembro de 2010...

publicado por MAV às 16:19